MENSAGEM DO PRESIDENTE

102-10, 102-14, 102-15

Concluímos mais um ano de bons resultados e relevantes conquistas na Central Nacional Unimed. Desde o início da nossa gestão, mostramos que esta nova administração assumiria compromissos para transformar práticas e processos, sem medo de enfrentar desafios maiores do que o esperado.

Estamos quebrando paradigmas com o pé no acelerador, cientes de que mesmo mudanças bem feitas não têm o efeito desejado se perderem os prazos do mercado.

Nesse aspecto, também inovamos, pois agimos com determinação em benefício de nossos públicos, na velocidade da experiência adquirida na gestão e no convívio com singulares e federações de diversas regiões brasileiras.

Promovemos radicais mudanças na Central de Atendimento. Novas tecnologias foram implantadas, todos os processos, revisados e uma nova estrutura física foi entregue, incluindo espaço para receber, presencialmente, nossos clientes.

Terminamos um diagnóstico com o propósito de identificar as oportunidades do mundo digital. Mais que isso, queremos que em 2019 todos respirem inovação na empresa. Para tanto, este será o grande mote de nosso planejamento estratégico. Em paralelo, ampliamos os investimentos em Tecnologia da Informação.

Nos campos institucional e operacional, iniciamos as operações do Projeto Bahia. Marcado pela inovação e reconstrução do tecido cooperativista, esta iniciativa inaugurou um novo momento no relacionamento entre a Central Nacional Unimed e suas sócias, pautado no compromisso conjunto de fortalecer o Sistema Unimed.

As cooperativas locais tornam-se prestadoras, valorizando ainda mais o trabalho do médico cooperado, enquanto a operação do plano de saúde e obrigações regulatórias ficam sob responsabilidade da Central Nacional Unimed.

Ao longo do ano, avançamos também no aprimoramento das melhores práticas, ou seja, na estruturação de normas de conduta alinhadas à marca, comportamento que também exigimos de nossos prestadores de serviço. Além de uma nova diretriz de Compliance, a gestão de riscos foi reestruturada, possibilitando o mapeamento de todos os riscos e possíveis impactos no negócios, mas já com ações para que sejam devidamente mitigados. A preocupação abrange também a Segurança de Informação, com cuidado ainda maior para garantir a confidencialidade, integridade e autenticidade dos nossos dados.

Nossa equipe, composta por 1.345 colaboradores, tem sido fundamental em toda esta evolução, pois as mudanças são, acima de tudo, estruturais, culturais e humanas. Sem a participação ativa das equipes, elas estacionariam no terreno das boas intenções.

Temos várias provas claras e irrefutáveis de que esta mudança cultural é vitoriosa e reconhecida.

Pela 12ª vez consecutiva, a cooperativa ficou entre as 150 melhores empresas para se trabalhar, no guia da revista Você S/A. Nossa vocação é cuidar de pessoas e isso começa pelos nossos colaboradores.

Além disso, estamos no 120º lugar no ranking Melhores & Maiores da Revista Exame. A Central Nacional Unimed estreou em 710 lugar, em 2004. Foram avançadas, portanto, 590 posições neste período. Dentre as 50 maiores empresas de serviços, ficamos no 34º lugar.

Como disse, iniciamos o ano muito bem e terminamos com outro importante reconhecimento. Pela segunda vez consecutiva participamos do Guia da Sustentabilidade Exame.

Cabe reforçar o nosso compromisso como empresa signatária do Pacto Global, da Organização das Nações Unidas, que propaga nossa responsabilidade com os dez princípios do pacto nas áreas de direitos humanos, direitos do trabalhador, meio ambiente e combate à corrupção, além da nossa responsabilidade e engajamento com contribuir com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

E antes de descerrarmos as cortinas de 2019, nova conquista: a certificação ISO 9001:2015. Nossos processos foram auditados e analisados e fomos reconhecidos por esse padrão internacional, uma forma de estabelecer e evidenciar a qualidade dos nossos serviços prestados.

E os nossos resultados? Assim como dizem, os números não mentem jamais. As receitas totais, o resultado operacional, o resultado líquido e sinistralidade cumpriram as metas definidas no exercício anterior.

O Planejamento Estratégico 2019-2021 – Inovando a cada oportunidade – renova o pacto com a cooperação, ética, compromisso com os clientes, respeito aos colaboradores, inovação e sustentabilidade.

A inovação, a propósito, será facilmente percebida por nossos clientes. E é esta percepção que nos levará a novos patamares de mercado, cada vez mais relevantes e ousados, sem deixar de lado a humanização e acolhimento, características intrínsecas do Sistema Unimed e do cooperativismo médico. Esse plano de voo é consistente com nossas ações, com nossa mentalidade e com nosso Jeito de Cuidar. Chegaremos lá.

MENSAGEM DO PRESIDENTE

102-10, 102-14, 102-15

Concluímos mais um ano de bons resultados e relevantes conquistas na Central Nacional Unimed. Desde o início da nossa gestão, mostramos que esta nova administração assumiria compromissos para transformar práticas e processos, sem medo de enfrentar desafios maiores do que o esperado.

Estamos quebrando paradigmas com o pé no acelerador, cientes de que mesmo mudanças bem feitas não têm o efeito desejado se perderem os prazos do mercado.

Nesse aspecto, também inovamos, pois agimos com determinação em benefício de nossos públicos, na velocidade da experiência adquirida na gestão e no convívio com singulares e federações de diversas regiões brasileiras.

Promovemos radicais mudanças na Central de Atendimento. Novas tecnologias foram implantadas, todos os processos, revisados e uma nova estrutura física foi entregue, incluindo espaço para receber, presencialmente, nossos clientes.

Terminamos um diagnóstico com o propósito de identificar as oportunidades do mundo digital. Mais que isso, queremos que em 2019 todos respirem inovação na empresa. Para tanto, este será o grande mote de nosso planejamento estratégico. Em paralelo, ampliamos os investimentos em Tecnologia da Informação.

Nos campos institucional e operacional, iniciamos as operações do Projeto Bahia. Marcado pela inovação e reconstrução do tecido cooperativista, esta iniciativa inaugurou um novo momento no relacionamento entre a Central Nacional Unimed e suas sócias, pautado no compromisso conjunto de fortalecer o Sistema Unimed.

As cooperativas locais tornam-se prestadoras, valorizando ainda mais o trabalho do médico cooperado, enquanto a operação do plano de saúde e obrigações regulatórias ficam sob responsabilidade da Central Nacional Unimed.

Ao longo do ano, avançamos também no aprimoramento das melhores práticas, ou seja, na estruturação de normas de conduta alinhadas à marca, comportamento que também exigimos de nossos prestadores de serviço. Além de uma nova diretriz de Compliance, a gestão de riscos foi reestruturada, possibilitando o mapeamento de todos os riscos e possíveis impactos no negócios, mas já com ações para que sejam devidamente mitigados. A preocupação abrange também a Segurança de Informação, com cuidado ainda maior para garantir a confidencialidade, integridade e autenticidade dos nossos dados.

Nossa equipe, composta por 1.345 colaboradores, tem sido fundamental em toda esta evolução, pois as mudanças são, acima de tudo, estruturais, culturais e humanas. Sem a participação ativa das equipes, elas estacionariam no terreno das boas intenções.

Temos várias provas claras e irrefutáveis de que esta mudança cultural é vitoriosa e reconhecida.

Pela 12ª vez consecutiva, a cooperativa ficou entre as 150 melhores empresas para se trabalhar, no guia da revista Você S/A. Nossa vocação é cuidar de pessoas e isso começa pelos nossos colaboradores.

Além disso, estamos no 120º lugar no ranking Melhores & Maiores da Revista Exame. A Central Nacional Unimed estreou em 710 lugar, em 2004. Foram avançadas, portanto, 590 posições neste período. Dentre as 50 maiores empresas de serviços, ficamos no 34º lugar.

Como disse, iniciamos o ano muito bem e terminamos com outro importante reconhecimento. Pela segunda vez consecutiva participamos do Guia da Sustentabilidade Exame.

Cabe reforçar o nosso compromisso como empresa signatária do Pacto Global, da Organização das Nações Unidas, que propaga nossa responsabilidade com os dez princípios do pacto nas áreas de direitos humanos, direitos do trabalhador, meio ambiente e combate à corrupção, além da nossa responsabilidade e engajamento com contribuir com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

E antes de descerrarmos as cortinas de 2019, nova conquista: a certificação ISO 9001:2015. Nossos processos foram auditados e analisados e fomos reconhecidos por esse padrão internacional, uma forma de estabelecer e evidenciar a qualidade dos nossos serviços prestados.

E os nossos resultados? Assim como dizem, os números não mentem jamais. As receitas totais, o resultado operacional, o resultado líquido e sinistralidade cumpriram as metas definidas no exercício anterior.

O Planejamento Estratégico 2019-2021 – Inovando a cada oportunidade – renova o pacto com a cooperação, ética, compromisso com os clientes, respeito aos colaboradores, inovação e sustentabilidade.

A inovação, a propósito, será facilmente percebida por nossos clientes. E é esta percepção que nos levará a novos patamares de mercado, cada vez mais relevantes e ousados, sem deixar de lado a humanização e acolhimento, características intrínsecas do Sistema Unimed e do cooperativismo médico. Esse plano de voo é consistente com nossas ações, com nossa mentalidade e com nosso Jeito de Cuidar. Chegaremos lá.